Featured Video

Páginas

segunda-feira, 18 de novembro de 2013

Selo Copa Legal será lançado na Assembleia Legislativa nesta quarta-feira


A defesa dos direitos da criança e do adolescente ganhará um importante reforço às vésperas da Copa do Mundo a ser realizada no Brasil, no próximo ano. O Selo Copa Legal será lançado nesta quarta-feira (20), às 09 horas, no auditório da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte.
A iniciativa pretende reunir proprietários e representantes de bares, restaurantes, hotéis, agências de viagem e empreendimentos ligados ao turismo para assinar uma carta-compromisso com diretrizes para minimizar os impactos negativos – como a exploração sexual de crianças e adolescentes – durante o Mundial de Futebol a ser realizado no país em 2014.

O Selo será conferido, no período que antecede a Copa do Mundo, aos estabelecimentos que cumprirem as metas propostas pelo documento. Instituições como ABIH, ABAV, ABRASEL, Camarões, Fogo e Chama e Praia Shopping já confirmaram presença. O evento é uma iniciativa da Frente Parlamentar Estadual da Criança e do Adolescente e uma realização da Assembleia Legislativa do RN.

O presidente da ABIH, Habib Chalita, destacou a importância da iniciativa e confirmou presença na solenidade de lançamento do Selo Copa Legal. “Vamos recomendar aos nossos associados que apoiem essa iniciativa importante para que possamos fortalecer a atividade turística de forma saudável”, afirmou Chalita.

Para receber o Selo, os empreendimentos precisarão assinar a carta-compromisso Copa Legal e seguir as normas presentes no documento que vai requerer projetos e ações de promoção ao combate ao abuso e exploração sexual de crianças e adolescentes, em seus ambientes e em suas áreas de atuação.

“Infelizmente o turismo sexual, que inclui promoções de exploração sexual de mulheres, crianças e adolescentes continua sendo um grave problema em Natal e em todo o Estado. Um evento na dimensão da Copa do Mundo pode trazer consequências desastrosas, pois a rede de exploração sexual é articulada e conta com a colaboração de pessoas ligadas ao turismo para promover essa prática criminosa”, disse a presidente da Frente e deputada estadual, Márcia Maia.

Além das instituições que assinarão a carta, participaram ainda do evento o Consec, Comitê de Enfrentamento, Ministério Público, Justiça Estadual, Semtas, Sethas, Fundac, Conselhos Tutelares, Ongs, dentre outras instituições ligadas à rede de proteção da criança e do adolescente.
-- 
Para mais informações sobre o mandato e do dia-a-dia da deputada estadual Márcia Maia, basta acessar o endereço:www.marciamaia.com.br;

Assessoria de Imprensa
Bruno Araújo - JORNALISTA
Twitter - @MarciaMaia_
Facebook - deputadaMarciaMaia
(84) 8872-9614
(84) 3232-5814

0 comentários:

Postar um comentário